Quantas vezes um homem de 50 anos ejacula?

Conteúdo

É certo que a sexualidade vai se transformando com o decorrer do tempo, especialmente devido às mudanças hormonais que podem fazer a libido ficar baixa. Mas você sabe quantas vezes um homem de 50 anos ejacula? Leia esse texto para entender melhor sobre esse tema. Quantas vezes um homem de 50 anos ejacula? Essa é uma pergunta que muitos homens podem fazer para avaliar como anda o seu desempenho nesta idade. Seja por relação sexual, masturbação ou sonho molhado (o que ocorre mais na puberdade), o fato é que não há um número específico correto para quantas vezes um homem de 50 anos ejacula. O processo é muito individual, esse número pode depender não só da idade, mas também de um histórico de doenças e até do status de um relacionamento. O que se sabe sim é que aos 18 anos, os homens têm um período refratário (que é o tempo que leva para se recuperar após um orgasmo e ejaculação) de 15 minutos e que na casa dos 70 anos, esse intervalo pode ser até mais de 24 horas. Outros estudos apontam que um homem de 50 anos pode até ter duas relações sexuais seguidas, e uma terceira com um período refratário maior. Vai depender de como andam os hormônios, especialmente, a testosterona, e os seus estímulos sexuais. Mas, antes de seguir no tema, vamos entender o que é e como funciona a ejaculação. O que significa ejacular? A ejaculação é a liberação do esperma produzido principalmente pela próstata e vesículas seminais, a partir de uma resposta mecânica do corpo, que provoca contrações que empurram o líquido para a uretra e para fora do pênis, em geral, após o clímax (orgasmo), que pode ocorrer com um sonho, masturbação ou relação sexual, com ou sem penetração. É comum que ejaculação e orgasmo ocorram juntos, mas, nem sempre isso ocorre, porque enquanto a ejaculação é uma resposta mecânica, o orgasmo está ligado a reações neurofisiológicas e físicas provenientes da excitação, e que vão provocar um prazer intenso. A ejaculação vai provocar a perda da ereção após a liberação do esperma, e cada homem terá um momento de recuperação para a próxima relação ou outro tipo de prática sexual, que é o período refratário. Após os 50 anos, o declínio hormonal pode ampliar o período refratário, porque a funcionalidade dos testículos diminui. Além disso, essa baixa de testosterona também pode provocar uma diminuição do desejo sexual e da performance. No entanto, homens que se cuidam e têm hábitos saudáveis, como a prática de atividades físicas, têm boa alimentação, sono de qualidade e gerenciam o estresse, podem continuar com uma boa performance sexual. Leia mais sobre: Ejaculação precoce Pouco esperma A ejaculação pode trazer benefícios para a saúde? Não existe uma frequência específica para um homem de 50 anos ejacular. É certo que nas fases mais jovens, eles podem fazer isso com bastante frequência, em alguns casos, mais de 10 vezes por dia a partir da masturbação. No entanto, com o tempo, esse número vai diminuindo. Apesar disso, também não é definido se existe algum mal em um homem não ejacular tanto, porque de alguma forma, as substâncias geradas irão ser reabsorvidas pelo corpo. No entanto, se o homem evitar ejacular intencionalmente seguidamente pode desenvolver problemas de ejaculação, além disso, pode sofrer hipertensão epididimal e sentir dores nos testículos. Por outro lado, já foram comprovados alguns benefícios de ejacular com certa frequência mesmo que não exista uma resposta exata e abrangente para quantas vezes um homem de 50 anos ejacula. Conheça algumas vantagens de ejacular: 1 - Ajuda na qualidade do sono Depois da relação sexual, masturbação e ejaculação, há uma liberação de tensão. Portanto, os homens relaxam e conseguem dormir melhor. Essa é uma constatação de um estudo com mais de 770 homens, que demonstrou que os orgasmos produzem uma melhor latência e qualidade geral do sono. 2- Ajuda no bom humor As flutuações de hormônio que ocorrem durante e após a ejaculação, auxiliam no bom humor. Isso ocorre porque os níveis de dopamina e oxitocina aumentam durante o sexo, e embora caiam após o orgasmo e ejaculação, ainda permanece uma sensação de bem-estar e satisfação. 3 - Ajuda na frequência cardíaca Sexo também é movimento, e o corpo precisa de movimento para atingir níveis saudáveis. Durante a prática sexual, e consequente ejaculação, a frequência cardiorrespiratória aumenta e aumenta o fluxo sanguíneo nos vasos, o que pode reduzir as chances de doenças cardiovasculares, especialmente quando o sexo ocorre em uma frequência semanal. 4 - Pesquisa aponta ejaculação frequente como prevenção ao câncer Um estudo internacional, realizado por 10 anos, com mais de 31 mil homens de 20 a 49 anos e publicado na revista científica Europe Urology, revelou que os que ejaculam 21 vezes ao mês correm menos riscos de ter câncer de próstata. Conclusão A frequência sexual com ejaculação de 1 a 3 vezes por semana é o que mais vemos no consultório nas consultas de rotina de pacientes com 50 anos. Mas, quantas vezes um homem de 50 anos ejacula não parece ser o mais importante, especialmente quando se trata de uma questão de comparação. O que o homem precisa saber é que sim, ele precisa conhecer o seu corpo e ter condições de manter uma vida sexual de qualidade. Para isso, se estiver notando alguma disfunção sexual, o ideal é buscar ajuda de um especialista no tema, que é o andrologista, porque essa subespecialidade da urologia cuida da saúde sexual do homem. O médico poderá indicar exames e recursos, como remédios, terapias e outras alternativas, para que tenha uma vida sexual satisfatória, na qual a ejaculação será facilitada, para obter os benefícios já comprovados.

É certo que a sexualidade vai se transformando com o decorrer do tempo, especialmente devido às mudanças hormonais que podem fazer a libido ficar baixa. Mas você sabe quantas vezes um homem de 50 anos ejacula?

Leia esse texto para entender melhor sobre esse tema.

Quantas vezes um homem de 50 anos ejacula? 

Essa é uma pergunta que muitos homens podem fazer para avaliar como anda o seu desempenho nesta idade.

Seja por relação sexual, masturbação ou sonho molhado (o que ocorre mais na puberdade), o fato é que não há um número específico correto para quantas vezes um homem de 50 anos ejacula. O processo é muito individual, esse número pode depender não só da idade, mas também de um histórico de doenças e até do status de um relacionamento.

O que se sabe sim é que aos 18 anos, os homens têm um período refratário (que é o tempo que leva para se recuperar após um orgasmo e ejaculação) de 15 minutos e que na casa dos 70 anos, esse intervalo pode ser até mais de 24 horas. 

Outros estudos apontam que um homem de 50 anos pode até ter duas relações sexuais seguidas, e uma terceira com um período refratário maior. Vai depender de como andam os hormônios, especialmente, a testosterona, e os seus estímulos sexuais.

Mas, antes de seguir no tema, vamos entender o que é e como funciona a ejaculação.

O que significa ejacular?

A ejaculação é a liberação do esperma produzido principalmente pela próstata e vesículas seminais, a partir de uma resposta mecânica do corpo, que provoca contrações que empurram o líquido para a uretra e para fora do pênis, em geral, após o clímax (orgasmo), que pode ocorrer com um sonho, masturbação ou relação sexual, com ou sem penetração. 

É comum que ejaculação e orgasmo ocorram juntos, mas, nem sempre isso ocorre, porque enquanto a ejaculação é uma resposta mecânica, o orgasmo está ligado a reações neurofisiológicas e físicas provenientes da excitação, e que vão provocar um prazer intenso. 

A ejaculação vai provocar a perda da ereção após a liberação do esperma, e cada homem terá um momento de recuperação para a próxima relação ou outro tipo de prática sexual, que é o período refratário.

Após os 50 anos, o declínio hormonal pode ampliar o período refratário, porque a funcionalidade dos testículos diminui. Além disso, essa baixa de testosterona também pode provocar uma diminuição do desejo sexual e da performance.

No entanto, homens que se cuidam e têm hábitos saudáveis, como a prática de atividades físicas, têm boa alimentação, sono de qualidade e gerenciam o estresse, podem continuar com uma boa performance sexual.

Leia mais sobre:

A ejaculação pode trazer benefícios para a saúde?

Não existe uma frequência específica para um homem de 50 anos ejacular. É certo que nas fases mais jovens, eles podem fazer isso com bastante frequência, em alguns casos, mais de 10 vezes por dia a partir da masturbação. No entanto, com o tempo, esse número vai diminuindo.

Apesar disso, também não é definido se existe algum mal em um homem não ejacular tanto, porque de alguma forma, as substâncias geradas irão ser reabsorvidas pelo corpo. No entanto, se o homem evitar ejacular intencionalmente seguidamente pode desenvolver problemas de ejaculação, além disso, pode sofrer hipertensão epididimal e sentir dores nos testículos.

Por outro lado, já foram comprovados alguns benefícios de ejacular com certa frequência mesmo que não exista uma resposta exata e abrangente para quantas vezes um homem de 50 anos ejacula. Conheça algumas vantagens de ejacular:

1 – Ajuda na qualidade do sono

Depois da relação sexual, masturbação e ejaculação, há uma liberação de tensão. Portanto, os homens relaxam e conseguem dormir melhor. Essa é uma constatação de um estudo com mais de 770 homens, que demonstrou que os orgasmos produzem uma melhor latência e qualidade geral do sono.

2- Ajuda no bom humor

As flutuações de hormônio que ocorrem durante e após a ejaculação, auxiliam no bom humor. 

Isso ocorre porque os níveis de dopamina e oxitocina aumentam durante o sexo, e embora caiam após o orgasmo e ejaculação, ainda permanece uma sensação de bem-estar e satisfação.

3 – Ajuda na frequência cardíaca

Sexo também é movimento, e o corpo precisa de movimento para atingir níveis saudáveis. 

Durante a prática sexual, e consequente ejaculação, a frequência cardiorrespiratória aumenta e aumenta o fluxo sanguíneo nos vasos, o que pode reduzir as chances de doenças cardiovasculares, especialmente quando o sexo ocorre em uma frequência semanal.

4 – Pesquisa aponta ejaculação frequente como prevenção ao câncer

Um estudo internacional, realizado por 10 anos, com mais de 31 mil homens de 20 a 49 anos e publicado na revista científica Europe Urology, revelou que os que ejaculam 21 vezes ao mês correm menos riscos de ter câncer de próstata.

Ebook Disfunção erétil

Conclusão

A frequência sexual com ejaculação de 1 a 3 vezes por semana é o que mais vemos no consultório nas consultas de rotina de pacientes com 50 anos.

Mas, quantas vezes um homem de 50 anos ejacula não parece ser o mais importante, especialmente quando se trata de uma questão de comparação. O que o homem precisa saber é que sim, ele precisa conhecer o seu corpo e ter condições de manter uma vida sexual de qualidade. 

Para isso, se estiver notando alguma disfunção sexual, o ideal é buscar ajuda de um especialista no tema, que é o andrologista, porque essa subespecialidade da urologia cuida da saúde sexual do homem.

O médico poderá indicar exames e recursos, como remédios, terapias e outras alternativas,  para que tenha uma vida sexual satisfatória, na qual a ejaculação será facilitada, para obter os benefícios já comprovados.

Home – Marco Túlio

Dr. Marco Túlio Cavalcanti Urologista e Andrologista. Disfunção Erétil e Impotência sexual: dê fim a esse tormento. Prótese do Pênis: a retomada da sua vida sexual. Doença Peyronie: correção da curvatura, recuperação do tamanho e calibre do pênis. Reposição Hormonal: retome o seu desempenho.

Instagram: @dr.mtcavalcanti

Youtube: Dr. Marco Túlio Cavalcanti

Leia também

Potência sexual: o que pode prejudicar o desempenho?

Potência sexual: o que pode prejudicar o desempenho?

A maioria dos homens sonha com uma potência sexual que garanta um bom desempenho na cama. No entanto, em certas…
Quando o homem ejacula rápido o que pode ser?

Quando o homem ejacula rápido o que pode ser?

Antes de responder, imagine a situação: você tomou aquele banho, se perfumou, tomou uma taça de vinho para relaxar, tudo…
Sexo bom depois dos 40: você pode continuar tendo uma vida sexual saudável

Sexo bom depois dos 40: você pode continuar tendo uma vida sexual saudável

Que o sexo é bom nós não temos dúvida, mas e depois dos 40?  Se você está em boa saúde…
Translate »